Um dos destinos mais cobiçados da Costa do Dendê é o Morro de São Paulo, uma vila na extremidade nordeste da Ilha de Tinharé, na Bahia, a 248 quilômetros de Salvador. Para chegar lá é preciso pegar um catamarã ou um avião na capital baiana. Outra alternativa é ir de carro ou ônibus até Valença e de lá seguir em um barco ou uma lancha. E ainda há mais uma terceira opção desde 2014: pegar um avião em Campinas (os voos só saem aos sábados, seja para ir ou voltar) rumo à Valença e lá ir de barco ou lancha. Não é tão simples chegar lá, mas a viagem e as belezas do local compensam!

Apesar de a pequena ilha ser atrativa o ano inteiro, é no verão que o local fica movimentado, repleto de visitantes, festas e atrativos. A natureza é impecável e é possível não só explorá-la totalmente, como conhecer a cultura e a história local. É obrigatório conhecer centro histórico e a feira de artesanato dos artistas locais.

O Morro tem apenas quatro praias “exploradas” e duas ruas principais, as praias não são identificadas por nomes, mas por ordem numérica, com praias cheias de palmeiras, como a Primeira Praia, conhecida pela forte rebentação das ondas, e a Segunda Praia, com muitos restaurantes. A Fortaleza do Tapirandu, agora em ruínas, foi erguida no século XVII e tem vistas para o mar. Na cidade, a Igreja da Nossa Senhora da Luz possui um altar de madeira ornamentado.

Jovens mochileiros gringos e também de vários Estados brasileiros desembarcam no pequeno porto em busca da agitada noite da vila. Mas também chegam casais e famílias para curtir a tranquilidade do local.

Se os pombinhos curtem um agito, o burburinho noturno fica por conta da Praça Aurealiano Lima e da Rua Caminho da Praia, com muitos restaurantes de culinárias distintas, estendendo-se até a Segunda Praia.

 

A Terceira Praia tem movimento tranquilo e algumas pousadas e restaurantes, e a Quarta é a tranquilidade absoluta. Nas duas últimas, as piscinas naturais de águas transparentes são perfeitas para a prática do mergulho. Além das praias “numeradas”, Morro guarda ainda as praias do Encanto (ou Quinta), da Gamboa e Guarapuá.

O tráfego de automóveis é proibido, ou seja, o único meio de transporte são nossos pés! Tratores levam os turistas até as pousadas ou aos pontos turísticos por uma estrada de terra paralela à praia. Mas as caminhadas são as melhores maneiras de desbravar a ilha e conhecer seus encantos, como o forte e o farol, ponto de encontro na hora do pôr do sol, uma das mais espetaculares vistas de Morro de São Paulo.

Além de curtir as praias, o farol e o pôr do sol, uma boa dica para os pombinhos é mergulhar nas águas transparentes da ilha. E não acaba aí. Fora do mar também tem muito o que se fazer, como a trilha na Praia da Gamboa. São 45 minutos de caminhada que, com certeza, confirmarão que a natureza de Morro de São Paulo é um espetáculo!

Se o casal for adepto dos esportes mais radicais, vocês também terão vez: as tirolesas são bem comuns nas praias do Nordeste, com direito a cair dentro das águas do mar local.

E se, mesmo com tantas atrações, ainda sobrar um tempinho, vocês podem fazer o passeio Volta a Ilha de Tinharé e conhecer as praias e piscinas naturais que se formam quando a maré está baixa.

Após conhecer todas as belezas do Morro de São Paulo, você pode conhecer a Ilha de Boipeba, que fica muito próxima, separada apenas por um rio. Ela possui apenas 20 quilômetros de extensão e também guarda uma reserva natural muito bonita e importante para a Bahia.

A viagem vale muito à pena!